Seguidores e Leitores deste Blog

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

RINOCERONTE INDIANO



NOME CIENTÍFICO: Rhinoceros unicornis
REINO: Animal
FILO: Chordata
CLASSE: Mammalia
ORDEM: Perissodactyla
FAMÍLIA: Rhinocerotidae
COMPRIMENTO: cerca de 3 metros mais de 60 cm para a cauda
ALTURA: 1,70 metros na cernelha
PESO: em torno de 2 mil kg
CHIFRES: Possui um chifre só que é usado para abrir caminho no mato. O chifre é tão importante para os machos quanto para as fêmeas.. Muitos rinocerontes indianos esfregam o chifre em superfícies abrasivas. O chifre, mede em torno de 22 c e é feito de queratina (substância parecido com a unha) e cabelo.
AGRESSIVIDADE: São menos agressivos que seus parentes africanos.
PERÍODO DE GESTAÇÃO: 17 a 18 meses (480 dias)
NÚMERO DE FILHOTES: 1
DESMAME: 18 meses
MATURIDADE SEXUAL: Fêmeas até 4 anos e machos até 9 anos. As fêmeas normalmente dão crias a cada 3 anos
TEMPO DE VIDA: acima dos 45 anos
GRUPO FAMILIAR: solitário
ALIMENTAÇÃO: Gramas, plantas aquáticas, ramos, folhas.
PRINCIPAIS PREDADORES: Homem e o tigre
HABITAT: Gramados e florestas abertas no Nepal e a Índia nordeste.
DISTRIBUIÇÃO: Nepal e a Índia nordeste.


Este animal foi implacavelmente caçado e hoje só é achado nas planícies junto ao Himalaia, e em algumas reservas biológicas de Assam e do Nepal.
É uma das 5 espécies de rinocerontes que existem no mundo selvagem. O rinoceronte-indiano está em perigo de desaparecer. A superstição sobre os poderes medicinais de seu chifre é que trouxeram esta espécie ao perigo da extinção.
Eles possuem uma visão pobre mas conseguem virar bastante as orelhas proporcionando uma ótima audição. Eles também possuem um excelente faro.
Esse paquiderme (animal de pele espessa) tem corpo grande e cabeça pequena. Sua pele é mais grossa que a do elefante. E nas coxas, nos quartos traseiros e na parte de trás, a pele está dividida em grandes placas separadas por sulcos. Essas placas consistem em muitas papilas semelhantes e escamas e presas em uma base de tecido flexível. A cauda fica completamente escondida pela placa anal. Sua cor varia do cinza-escuro ao castanho-avermelhado.
Este animal não gosta do calor. Ele prefere viver junto à água, onde dorme durante o dia e pasta à noite.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

POSTE AQUI UMA MENSAGEM.